10 farofas cinematográficas que a galera ama e não admite.

Uma farofa cinematográfica consiste naqueles filmes que já vem pronto para cair no gosto popular. Simples assim. Aqueles filmes que a renca vai assistir e saturar ao máximo, gerando uma certa antipatia por parte de muitas pessoas, que lá no fundo sabem do valor dessa obra e muitas vezes tem vergonha de declarar o seu amor.

Que tal falarmos sobre algumas delas? 🙂

 

As Branquelas

Vamos começar com um dos maiores clássicos da Farofada dos últimos tempos. Imortalizando frases e cenas, com personagens bizarros e situações fora do comum, As Branquelas conquistou o coração do mundo e pode ter certeza que você tem um amigo que diz não gostar, mas sabe citar muitos momentos do filme 😉

 

Um Amor Para Recordar

Parece que Nicholas Sparks finalizou a história e pensou assim: “tá, beleza, mas como faço para deixar tudo ainda mais triste?”. Foi assim que Um Amor Para Recordar fez um enorme sucesso ao redor do mundo, trazendo em abundância tudo aquilo que de só você imaginar, já tá com o olho coçando e ardendo. É servindo essa verdadeira farofa que ele se tornou um dos romances mais lembrados dos últimos tempos.

 

Freddy vs Jason

Hollywood catou dois ícones que marcaram a história do cinema por toda a eternidade e juntouem um filme só, cujo intuito era um embate épico e violento onde só um sairia vencedor. QUER COISA MAIS FODA QUE ESSA? Eu não entendo como tem gente que consegue falar que simplesmente odeia esse filme, ele nasceu clássico e o tempo está mostrando isso a cada dia. #JustiçaParaFreddyVsJason

 

Click

Durante um tempo eu realmente bradei com a força e a glória de um rei o quanto eu odiava esse filme; até que um dia me libertei e assumi que adoro a história bobinha, me divirto horrores com o humor do Adam Sandler e chorei muito no final. A partir daí vi que muitas pessoas sentem o mesmo e ai fiquei em paz. Com você também é/foi assim?

 

Qualquer um dos Velozes e Furiosos

Esse é um daqueles filmes que todo mundo assiste, nem que seja só porque está sem nada melhor para fazer no momento. 90% da pessoas já assistiram ao menos 1 filme da franquia e sabem citar algum momento marcante, mas claro, bem ali na maciota, sem ficar com os olhos brilhando ao falar de quando o Vin Diesel atravessou em alta velocidade os prédios de Abu Dhabi, com um carrão que foi roubado de dentro de um cofre que ficava lá na cobertura :p

 

Todos os Jogos Mortais depois do #1

É fácil reconhecer uma pessoa que adora Jogos Mortais, mas não admite. É só reparar se ela sempre repete as seguintes frases:

“Ah, mas só o primeiro que prestou”.

“Tem aquela armadilha do XXX que foi bem daora”.

“O último filme foi uma merda’’.

“Verdade, o final do 3 foi legal também!”

Reparem que a negação e a afirmação estão de mãos dadas nessas frases Com exceção do primeiro, a franquia se tornou uma grande farofada Hollywoodiana, que apesar de sempre quebrar recordes, muita gente insiste em afirmar que “ah, nem é tão bom assim’’.

 

As Apimentadas

Tem como não amar (mesmo que sem admitir) uma série de filmes que retratam o ranço entre duas equipes de líderes de torcida americana? Lotado de acrobacias, com muito sol e músicas chicletes, eles ganham o nosso coração naquele sábado de calorzinho que você resolveu ficar em casa.

 

Bruna Surfistinha

O cinema nacional já sofre de um grande preconceito por parte dos próprios habitantes, ainda mais se tratando de ser a biografia de uma figura polêmica da cultura pop brasileira. É por essas e outras que a galera dá aquele sorrisinho de canto de boca quando alguém pergunta: ‘’você gostou desse filme?” 😀

 

Eurotrip – Passaporte Para a Confusão

Quer testar se o coleguinha realmente acha Eurotrip uma verdadeira bosta? Chega pertinho dele e começa a cantar “Scotty doesn’t know, Scotty doesn’t know…”, se ele cantar enquanto dá risada, sabemos que lá no fundinho ele gosta muito do filme e que já soltou um “mi scuzi” pelo menos uma vez por aí.

 

Cinquenta Tons de Cinza

POLÊMICA!  Todo mundo tem um conhecido que assistiu aos filmes “só pra poder falar mal” ou então “porque queria saber o que era isso que tava todo mundo falando”, não é verdade? Só acho que assim, como diz o ditado, o amor e o ódio andam lado a lado, e só isso explica o fato de que TODO MUNDO DETESTA O FILME mas ele tá ali sempre quebrando recordes.

*falei e saí correndo

 

Victor Piacenti

Um cara fanático por Stephen King, que sente um prazer imenso ao ver uma cidade sendo destruída na tela do cinema. Além de ser sagitariano, não sabe andar de bicicleta, é viciado em coxinha e acredita (até demais!) em ETs.