10 motivos para assistir Orphan Black

Orphan Black conta a história de Sarah, que um belo dia testemunha o suicídio de uma garota IDÊNTICA A ELA nos trilhos do trem e resolve roubar sua identidade. Porém, segredos que ela jamais imaginaria seriam trazidos à tona, transformando sua vida para sempre e a jogando em uma conspiração onde não só sua vida corre perigo, mas também de todos ao seu redor.

Essa é uma das séries mais comentadas e queridas da atualidade, todo mundo que começa a assistir vicia rapidinho e tudo é uma loucura que só Jesus na causa. Aqui vão 10 motivos para você não perder mais tempo e começar essa delícia hoje mesmo, VEM GENTE! <3

#1 – Tatiana Maslany

O primeiro motivo tem que ser ela, simplesmente porque essa deusa interpreta diversas personagens e conseguimos diferenciar TODOS graças a sua excelente atuação para cada uma delas, seja a dona de casa, a cientista ou a vilã, todas tem características próprias e podemos facilmente crer que são atrizes diferentes ali. CADÊ A PREMIAÇÃO?

motivo-1

#2 – Roteiro alucinante

É impressionante como em todos os episódios acontecem coisas bombásticas. A todo momento a coisa tá fluindo e não deixam a trama cair no tédio, todo final de episódio é um tiro calibre 12 que a gente toma no meio do peito e fica se arrastando por aí, pensando no que acabou de acontecer e como a coisa toda vai desenrolar.

motivo-2

#3 – História instigante

A trama e os mistérios acerca de suas protagonistas vão sendo revelados aos poucos, sempre de uma maneira onde uma ou outra informação fica faltando e que coloca o espectador como um detetive da coisa toda. Esse é um velho truque que nos prende na frente da televisão e deixa Orphan Black super dinâmica, nos transferindo para dentro de tudo aquilo <3

motivo-3

#4 – Personagens carismáticos

Felix, Allison (minha favorita e que amo de paixão), Cosima, Sarah, entre outros, é muito fácil se apegar a eles e torcer para que consigam descobrir o que tá rolando e saiam da enrascada que estão metidos. Não tem como não se importar com eles, NÃO TEM, NÃO DÁ, É IMPOSSÍVEL!

motivo-4

#5 – #GirlPower

Não tem essa de mocinha indefesa aqui não, as mulheres da trama são fortes e desenvolvem um papel importante para tudo o que está rolando.

grl-power

#6 – Tudo pode acontecer

Não dá pra adivinhar o que vai acontecer, simples assim. A trama é imprevisível e, quando achamos que algo está resolvido, *BOOM*, tudo muda, ou seja, os roteiristas são psicopatas impiedosos e capazes de qualquer coisa para te manter viciado.

motivo-6

#7 – Diversidade

Temos personagens gays retratados da maneira como devem ser: sem rótulos, preconceitos e tendo suas vidas retratadas normalmente. Obrigado, roteiristas!

felix

#8 – Criatividade

A história em si já é muito criativa e a maneira que ela se desenrola é mais ainda, pois, apesar de ser uma ficção científica, ela não foca apenas nisso. Tem romance, drama, suspense, comédia, ação… tudo de uma maneira muito bem pensada e sem perder o foco do que realmente importa.

motivo-8

#9 – Poucos episódios

Cada temporada tem apenas 10 episódios, o que contribui muito para a agilidade da história e que não caia na enrolação. É a quantidade perfeita para aquela maratona no final de semana.

motivo-9

#10 –  Está disponível na Netflix

As quatro temporadas que já foram ao ar nos EUA, já estão disponíveis na Netflix, ou seja, se você for assinante, não tem desculpa para não correr agora e ver pelo menos o primeiro episódio.

motivo-10

(#partiu maratona, rs)

Victor Piacenti

Um cara fanático por Stephen King, que sente um prazer imenso ao ver uma cidade sendo destruída na tela do cinema. Além de ser sagitariano, não sabe andar de bicicleta, é viciado em coxinha e acredita (até demais!) em ETs.

>