Celebridades que já tiveram problemas com a justiça.

Browse By

Não tem como falar de astros com problemas com a justiça e não começar falando da Lindsay Lohan. A atriz, que cresceu em frente às câmeras, mas logo na adolescência começou a demonstrar um comportamento mais “ousado”, já foi presa várias vezes por dirigir embriagada, abuso de drogas e mau comportamento. Lindsay tem histórico de sair de boates embriagada, por vezes arrastada ou expulsa pelos seguranças, brigas com seus relacionamentos em locais públicos, não comparecer em audiências jurídicas e desacatos. A atriz já passou uma pequena temporada presa e também condenada a prestar serviços comunitários e liberdade condicional, além de ter que usar pulseira que detecta drogas e álcool no sangue e temporadas na reabilitação.

Charlie Sheen, ator principal da série Two and a Half Man, também coleciona problemas com a justiça. Abuso de drogas e álcool e casos de violência doméstica e abuso denunciado pelos suas três ex esposas, teve que pagar milhares de dólares de processos e fianças além de temporadas na reabilitação.

Chris Brown estava no auge de sua carreira com músicas nas paradas e sua namorada famosa, Rihanna. Até que o cantor a agrediu e ela apareceu publicamente com o rosto todo machucado. Foi um enorme escândalo na época. O cantor confessou as agressões e foi condenado a prisão condicional, terapia e serviço comunitário. Chris e Rihanna já foram vistos juntos depois do episódio, e mesmo já tendo se desculpado inclusive publicamente, esse episódio parece ter condenado a carreira do cantor e dificilmente será esquecido.

Woody Allen é um cineasta famoso e que dirigiu diversos filmes de sucesso como Meia Noite em Paris, Blue Jasmine, Noivo Neurótico, Noiva Nervosa e por ai vai, mas também é sempre lembrado pelas polêmicas em sua vida pessoal. Nos anos 90 o cineasta foi acusado de molestar sua filha Dylan Farrow, então com 7 anos, com a atriz Mia Farrow. O abuso não foi provado na época, mas anos depois Dylan reiterou que tinha sim acontecido. Ele também é lembrado por ter se casado com sua filha adotiva (sim, se casado, você não leu errado) Soon-Yi, 35 anos mais jovem e também filha adotiva de sua ex esposa Mia Farrow.

Outro caso bem complicado no mundo do cinema é do cineasta Roman Polanski, também conhecido pelos seus diversos filmes como O Bebê de Rosemary, O Pianista, Deus da Carnificina entre muitos outros. O diretor foi acusado de de violentado Samantha Geimer, na época com 13 anos, em 1977. Após alguns dias preso, ele foi declarado culpado e fugiu para Polônia, onde é naturalizado. O caso rola até hoje nos tribunais. Os Estados Unidos já pediram a extradição do diretor diversas vezes e que foi negado pela Polônia.

Até o ator Mark Wallberg que é um ator e produtor bem conhecido e querido em Hollywood, além de estar constantemente estrelando filmes famosos, tem um histórico duvidoso com a justiça. Quando era jovem foi preso dezenas de vezes e acusado de racismo, violência e agressões chegando a ficar preso por alguns dias. Quem diria, hein?!

Outro caso curioso é do ator Hugh Grant, galã de Um Lugar Chamado Nothing Hill, em 1995 teve problemas com a justiça ao fazer sexo com uma prostituta em lugar público, mas Hugh teve somente que pagar uma multa e passou um tempo na condicional, além de passar uma pequena vergonha publicamente, né.

O astro de Homem de Ferro, Robert Downey Jr, também já teve vááááários problemas com a justiça, especialmente quando era mais jovem. Seus problemas sempre foram relacionados a álcool e especialmente drogas, preso diversas vezes, cumpriu pena, foi condenado a condicional, passou por reabilitação, serviços comunitários e multas, mas sempre foi recorrente, ia e saia das prisões e dos tribunais com frequência. Hoje em dia o astro parece recuperado e dedicado ao trabalho, tanto que até foi “perdoado” pelo governador da Califórnia, Jerry Brown, pelos problemas com drogas e posse de armas no passado.

Uma história muito diferente e curiosa é a da atriz Charlize Theron, vencedora do Oscar pelo filme Monster – Desejo Assassino. A atriz nasceu na África do Sul e estudava em um colégio interno em Joanesburgo. Quando tinha 15 anos, estava passando as férias na casa dos pais, seu pai bebia muito e constantemente agredia ela e sua mãe. Um dia ele saiu para beber com o tio de Charlize, irmão de sua mãe, eles voltaram bêbados e ameaçando as duas com uma arma na mão, elas então se trancaram no quanto. Quando os dois conseguiram abrir a porta, a mãe de Charlize alcançou a arma na mão do marido e atirou nos dois. O pai de Charlize morreu e seu tio ficou machucado, mas se recuperou. A mãe da atriz nunca foi condenada já que o crime foi considerado legitima defesa.

Por fim, uma história que mais parece uma novela mexicana ou um próprio filme Hollywoodiano. O poderoso chefão Marlon Brando teve 11 filhos biológicos e dois deles se envolveram em um enorme problema. Sua filha Cheyenne tinha 20 anos e morava com o pai e o irmão Christian (também filho de Marlon) e levou o namorado Drag Dollet, para morar com eles. Porém um certo dia, Cheyenne disse ao irmão que seu namorado batia nela. Enfurecido, Christian deu um tiro na cabeça de Drag enquanto ele assistia televisão, e foi condenado há 10 anos de prisão. Até aí tudo bem (mais ou menos, né), mas a Cheyenne então resolve confessar que era mentira, ele não batia nela. A menina tinha problemas mentais e esquizofrenia e acabou se matando enforcada em 1995. Nem Marlon pode ir ao funeral, pois estava já muito debilitado e nem Christian, já que ainda estava preso. Que coisa, não!

Alessandra Ganan
Colaborador | Também do autor.

Nasceu e cresceu em São Paulo e hoje é graduada em Letras, Artes Cênicas e Audiovisual, mas quando criança só brincava de ser outras pessoas. Assistiu sua primeira série e filme “de adulto” aos 11 anos e de lá para cá nunca mais parou. Apesar de ariana, é uma pessoa legal.

>