Browse By

Filmes que te fazem pensar

Você é daqueles que AMA analisar as coisas nos mínimos detalhes? O mesmo acontece quando você assiste filmes novos ou antigos? Fiz uma lista especialmente para você.

Trago aqui nesta lista alguns filmes que mais me intrigaram e me fizeram parar para pensar diversas vezes, não sei você, mas eu começo a travar um debate em minha mente analisando ideias e realidades com os estes filmes que eu assisti mais de uma vez! E claro que cabe a cada um de nós analisarmos de formas diferentes suas histórias, mas faço questão compartilhar aqueles que de alguma forma tocaram meu coração. Haha


Tomorrowland – Um Lugar Onde Nada é Impossível

Este é um filme que eu faço questão de bater o pé quando falam mal. Foi super mal de crítica, teve uma estratégia de marketing horrorosa, teve problemas com seu título em alguns lugares por ter o mesmo nome daquele festival de música eletrônica, foi um fracasso de bilheteria mas se tornou um dos meus favoritos.

Ele é simples e muito agradável de assistir. Conta sobre o quanto nós somos moldados para pensar que sempre está tudo perdido no mundo, que mesmo que nossa constante luta para mudar, bem lá no fundo você sente que de nada adianta porque “só” você está agindo de alguma forma. Tomorrowland fala justamente sobre isso: todo mundo tem o poder de mudar alguma coisa desde que você acredite que tudo é possível. É clichê? É sim, mas um clichê bem feito.


Lucy

Diferente de Tomorrowland, este aqui foi completamente o contrário: recebeu críticas positivas e teve uma ótima bilheteria. É um filme de ação com muita fantasia e que tem um fundo de verdade (tirando a parte da droga e do pen drive), mas ele aborda o mito do uso dos 10% da capacidade do cérebro. Até onde iria a nossa mente? Nós utilizamos nossa mente para funções básicas do dia a dia e funciona tão ágil quanto respirar. Mas porque não tentar desenvolver e aprimorar outras funções do cérebro que trariam tantos benefícios e conhecimento do nosso habitat?


Na Natureza Selvagem

A crítica desse filme é tão maravilhosa que eu não teria como comentar algo sem dar muito spoiler sobre ele. Posso dizer que ele fala simplesmente o fato: porque eu deveria aceitar conviver numa sociedade que é movida apenas em status, dinheiro e reconhecimento? É um drama sobre autoconhecimento e respeito às nossas escolhas pessoais. É claro que cada um tem sua forma de pensar sobre isso mas não é um caso de se pensar mesmo?


Interestelar

Confesso que tive que assistir este três vezes para ~ tentar ~ entender todo seu conteúdo. Eu poderia parar e pensar nele como: O planeta estava morrendo, um grupo se reuniu para viajar e encontrar um planeta novo para os seres humanos habitarem. Só que eu adoro física quântica e por mais que eu odeie qualquer coisa de exatas, esta sempre me chamou atenção. Assisti Interestelar pela primeira vez e fiquei encantada. Na segunda vez, eu estava assistindo e anotando todos os pontos que eu havia ficado com dúvidas para poder pesquisar depois!!! E claro na terceira vez assisti com um belíssimo sorriso no rosto, pois eu consegui entender 10 % a mais haha Cada louco com suas loucuras, mas foi bom entrar um pouco na cabeça do Nolan.


Simplesmente Acontece

Talvez seja a única surpresa da lista por ser uma comédia romântica, mas este em particular me fez pensar em como o inesperado pode não ser o fim do mundo. Talvez aqueles indivíduos que sempre estiveram por perto e que você nunca deu atenção sejam aqueles que podem realizar grandes mudanças em nossas vidas. Não precisa ser o amor da sua vida e que você vai viver feliz para sempre com essa pessoa, mas abrir os olhos para quem realmente se importa.


Você que já assistiu algum desses filmes pensou da mesma forma? Tem outras sugestões? Conta pra mim que faço questão de assistir outros e fazer a parte 2 dessa lista! 😀


 

 

Natalia Seibert
Editor | | Também do autor.

Sou a diferentona viciada em séries de TV, filmes e fã de Ashley Tisdale. 100% ariana, não manjo nada de signos e já usei muito a desculpa de não querer sair de casa por que estava bem confortável com pijama e pantufa em casa. Não assisto filmes de terror a noite e muito menos sozinha!

>